A GESTÃO DE CUSTOS NO PROCESSO DECISÓRIO DAS ORGANIZAÇÕES

Leonardo Ensslin, Altair Borgert

Resumo


O processo de tomada de decisão é rotina na vida das pessoas, envolve diferentes níveis de responsabilidade e pode afetar o decisor pessoalmente, as pessoas ao seu redor, a organização como um todo, ou mesmo a própria nação. Na prática, a decisão se elabora de forma mais ou menos caótica, sobre a base de um confronto permanente das preferências e interações dos diferentes atores. O artigo apresenta argumentos teóricos em direção da necessidade de se considerar múltiplos aspectos ao se tratar de decisões que envolvem, não só a gestão de custos, mas a área financeira como um todo. Insere-se questões acerca do papel da gestão de custos, como por exemplo: a identificação das necessidades reais de uma empresa, a estruturação da situação problemática, a análise dos dados, bem como a avaliação final, num processo de tomada de decisão. A decisão representa um processo complexo que tem início com o reconhecimento de uma necessidade de mudança e termina com a escolha e implementação de um particular curso de ação. Como auxílio na tomada de decisão, enfoca-se a atividade de apoio à decisão que ajuda a esclarecer e a orientar os decisores durante o processo. Esta atividade de apoio - como um sistema aberto do qual são componentes os atores e os seus valores e objetivos, e as ações e as suas características - insere-se no processo de decisão e segue uma abordagem construtivista e de aprendizagem ao elaborar um modelo de decisão que pode evoluir no decorrer do processo.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2358-856X

Associação Brasileira de Custos
Av. Unisinos, 950 - Caixa Postal 275 - CEP: 93022-000 - São Leopoldo - RS - Brasil
Diretoria de Administração de Infraestrutura e Serviços - Telefone: 51 3591 1122 Ramal: 5235