A fumicultura em pequenas propriedades: Uma análise com produtores de tabaco sob a perspectiva da Teoria dos Custos de Transação

Alessandra Gonçalves, Mauricio João Atamanczuk, Franciele do Prado Daciê, Edicreia Andrade dos Santos

Resumo


O objetivo do presente trabalho é compreender o relacionamento entre os envolvidos no processo de cultivo do tabaco no município de Rio Azul-PR, a partir da perspectiva dos produtores rurais. O tabaco possui importante participação na economia do município estudado. O estudo foi conduzido a partir da Teoria dos Custos de Transação levando em consideração os pressupostos comportamentais e a natureza do ativo. A pesquisa tem caráter descritivo, de natureza quantitativa e qualitativa, viabilizado a partir de aplicação de questionários aos produtores rurais. Os principais resultados apontam para a influência dos aspectos relativos ao pressuposto de racionalidade limitada nas ações e decisões dos produtores, decorrentes da assimetria de informação, o que gera sua dependência deles nas empresas fumageiras. Porém esta dependência é aceita pelos produtores para usufruírem dos conhecimentos técnicos e de planejamento para redução da incerteza feito pelas fumageiras. Também identificou-se que a concorrência entre empresas fumageiras e compradores intermediários reduz a especificidade do ativo, beneficiando o produtor rural. No entanto, a maior parte dos produtores formaliza contratos de venda, antecipadamente à safra, que desconsideram este benefício.

Palavras-chave


Pequenos Produtores Rurais

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2358-856X

Associação Brasileira de Custos
Av. Unisinos, 950 - Caixa Postal 275 - CEP: 93022-000 - São Leopoldo - RS - Brasil
Diretoria de Administração de Infraestrutura e Serviços - Telefone: 51 3591 1122 Ramal: 5235