ANÁLISE DA VIABILIDADE ECONÔMICA E FINANCEIRA EM CULTIVOS DE ROSAS COM DIFERENTES DOSAGENS DE NITROGÊNIO

Elizete Antunes Teixeira, Elka Fabiana Aparecida Almeida, Livia Mendes Carvalho, Fabrício Molica de Mendonça

Resumo


Este trabalho teve como objetivo mensurar e analisar a viabilidade econômica e financeira em cultivos de rosas com e sem a associação de adubação verde calopogônio (Calopogonium mucunoides) para diferentes dosagens de adubação nitrogenada (N). Os dados foram coletados do experimento realizado na Fazenda Experimental Risoleta Neves - EPAMIG em São João del Rei-MG no período compreendido entre novembro de 2013 a novembro de 2014 e projetados para um hectare. O cultivo de rosas é importante para o agronegócio brasileiro, haja vista que pode gerar diversos empregos na produção, distribuição, atacado e varejo. Os resultados demonstraram por meio dos índices de viabilidade: o valor presente líquido -VPL, a taxa interna de retorno - TIR e o índice de lucratividade – IL que dentre os 16 tratamentos estudados, os tratamentos 6 e 7, ambos consorciados com o adubo verde e doses de nitrogênio (N) acima do recomendado em 160% e 190%, respectivamente, apresentaram mais viáveis. Concluiu-se que as taxas internas de retornos foram maiores nos tratamentos com a presença do adubo verde calopogônio (Calopogonium mucunoides) nas diferentes dosagens de nitrogênio (N).

Palavras-chave


Cultivos de rosas; Dosagens de nitrogênio; Análise de viabilidade.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2358-856X

Associação Brasileira de Custos
Av. Unisinos, 950 - Caixa Postal 275 - CEP: 93022-000 - São Leopoldo - RS - Brasil
Diretoria de Administração de Infraestrutura e Serviços - Telefone: 51 3591 1122 Ramal: 5235