CUSTOS DE UM CENTRO OBSTÉTRICO: ESTUDO DE CASO EM UM HOSPITAL REGIONAL DO EXTREMO OESTE CATARINENSE

Andressa MICHELS, Valmir Roque Sott, Marina Klaus, Taize Paula Palu

Resumo


Talvez um dos maiores paradigmas das instituições hospitalares nos dias atuais seja conciliar a corrente evolução do perfil do paciente a ser atendido, que a cada ano torna- se mais exigente e com maiores expectativas com relação ao atendimento recebido, com a defasagem dos valores repassados pelo SUS - Sistema Único de Saúde. Diante a este novo contexto sócio econômico, o objetivo geral do presente trabalho é analisar os custos envolvidos no procedimento cesariano e parto normal em um Hospital Regional do Extremo Oeste Catarinense. Para o alcance do objetivo proposto, realizou-se uma pesquisa descritiva, por meio de um estudo de caso no Hospital, com análise qualitativa dos dados. A coleta de dados ocorreu por meio de visitas ao Hospital e entrevista não estruturada com gerente do setor obstétrico. A motivação para a pesquisa está presente na deficiência que as instituições públicas possuem na área de custos. Constatou-se, no hospital em estudo, que o setor não tem o controle de custos dos procedimentos realizados. Mensuraram-se os custos totais do procedimento cesariano e parto normal a partir das fichas técnicas de pacientes de dois meses do ano de 2017. Por meio dos resultados encontrados, concluiu-se que o procedimento de parto normal apresenta um custo menor em comparação com a cesárea. Por conseguinte, o valor repassado pelo SUS, é, consequentemente maior para operações cesarianas.

Palavras-chave


Apuração de custos. Parto Normal. Parto Cesárea.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2358-856X

Associação Brasileira de Custos
Av. Unisinos, 950 - Caixa Postal 275 - CEP: 93022-000 - São Leopoldo - RS - Brasil
Diretoria de Administração de Infraestrutura e Serviços - Telefone: 51 3591 1122 Ramal: 5235