REMUNERAÇÃO POR DESEMPENHO NO FUTEBOL BRASILEIRO: UMA ANÁLISE CULTURAL SOB A PERSPECTIVA DOS EXECUTIVOS

Rafael Luis Pessin, Carlos Alberto Diehl

Resumo


Nos últimos anos, a prática de remuneração por desempenho (RPD) tem despertado particular
interesse dos clubes brasileiros de futebol e relativo destaque na mídia especializada do país.
Inspirada nos modelos de remuneração executiva e motivada pelos cases de sucesso do futebol
europeu, a RPD foi adotada no Brasil como forma de mitigar problemas econômico-financeiros e
esportivos. No entanto, embora considerada uma solução viável e até mesmo adequada para
muitas organizações e clubes pelo mundo, a sua adoção no país tem sofrido resistência. Apoiado
neste problema, o presente estudo questionou a extensão na qual a RPD estaria efetivamente
adequada aos clubes e atletas brasileiros. Para isto, buscou analisar se a estrutura da remuneração
por desempenho no futebol brasileiro é consistente com os valores da cultura nacional. Cinco
proposições teóricas foram desenvolvidas para nortear as discussões, sendo estas examinadas
através de uma abordagem qualitativa. Foram realizadas quatro entrevistas com executivos de
quatro clubes de futebol. As evidências possibilitaram a confirmação efetiva de apenas duas das
cinco proposições. Apesar disto sugerir a suposta inadequação da prática, os elementos
conflitantes aos valores brasileiros puderam ser justificados de um ponto de vista cultural. Os
clubes parecem ter ajustado os diferentes componentes que integram a RPD aos valores culturais
do país. Logo, inferiu-se estar adequada a prática ao futebol brasileiro. Especial destaque pode ser
dado às remunerações individuais: incentivos baseados em metas de atuação, embora de cunho
individual, parecem reforçar os valores culturais do país, enquanto incentivos baseados em ações
individuais contrariam os valores brasileiros.

Palavras-chave


Remuneração por desempenho. Futebol brasileiro. Cultura nacional.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2358-856X

Associação Brasileira de Custos
Av. Unisinos, 950 - Caixa Postal 275 - CEP: 93022-000 - São Leopoldo - RS - Brasil
Diretoria de Administração de Infraestrutura e Serviços - Telefone: 51 3591 1122 Ramal: 5235