Análise dos gastos públicos com educação em ensino fundamental dos municípios de Mato Grosso do Sul

ANDERSON MATHEUS DE SOUZA DE OLIVEIRA, Leonardo Flach, Luísa Karam de Mattos

Resumo


A presente pesquisa tem por objetivo identificar a eficiência dos gastos públicos destinados ao ensino fundamental dos municípios do estado do Mato Grosso do Sul. Para alcançar o objetivo proposto, aplicou-se a modelagem matemática de Análise Envoltória de Dados (DEA) pelo modelo BCC, tomando-se como variáveis: despesas liquidadas, gasto médio por aluno matriculado, Índice de Desenvolvimento Humano em educação e renda e o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). Os resultados desta pesquisa demonstram que apenas 12,8 % dos municípios atingiram o nível máximo de eficiência. De maneira geral, os dados demonstram que os municípios do estado do Mato Grosso do Sul (MS) alocaram os recursos para a educação de forma eficiente, uma vez que a média de score dos setenta e oito municípios foi de 87,50%. Além disso, foi possível concluir que um alto volume de recursos públicos alocados para o ensino fundamental nem sempre resulta em uma maior nota no IDEB.

Palavras-chave


Eficiência. Gastos públicos. Análise envoltória de dados.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2358-856X

Associação Brasileira de Custos
Av. Unisinos, 950 - Caixa Postal 275 - CEP: 93022-000 - São Leopoldo - RS - Brasil
Diretoria de Administração de Infraestrutura e Serviços - Telefone: 51 3591 1122 Ramal: 5235