Contabilidade Gerencial nos meios de hospedagem: uma análise das práticas adotadas pelos meios de hospedagem da cidade de Manaus

Gerlane da Silva Alves, Carla Macedo Velloso dos Santos, Manoel Martins Carmo Filho, MIGUEL CARLO VIANA NEGREIROS

Resumo


Segundo o Ministério do Turismo (2018), no Brasil existem cerca de 31,3 mil estabelecimentos de hospedagem, sendo este segmento um grande indutor do desenvolvimento da economia turística do país. Isto deve-se à grande capacidade de geração de emprego e renda dessa atividade. Nesse sentido, a Contabilidade Gerencial, como ferramenta de auxílio à tomada de decisões, deve ocupar um lugar de extrema importância na contabilidade das empresas hoteleiras, para que estas continuem a se desenvolver de maneira saudável. O objetivo deste estudo é analisar a adoção de práticas de Contabilidade Gerencial em meios de hospedagem da capital amazonense. Para atingir esse objetivo foi aplicado um questionário à 12 meios de hospedagem da cidade de Manaus- AM, cadastrados no Ministério do Turismo, através do Cadastur (Cadastro de Prestadores de Serviços de Turismo), no período de 29/05/2019 a 18/06/2019. O estudo mostra que as práticas de Contabilidade Gerencial são amplamente utilizadas pelas empresas hoteleiras e de tais práticas, destacam-se o Custeio Variável, a utilização do orçamento para planejamento anual e controle de custos, medidas de rentabilidade, análise da rentabilidade do produto e gestão baseada em atividades. Entretanto, observa-se que as técnicas tradicionais de CG têm melhor aceitação do que as práticas contemporâneas, e que estas ainda são pouco utilizadas pelas empresas hoteleiras.

Palavras-chave


Práticas Gerenciais, Meios de Hospedagem, Turismo

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2358-856X

Associação Brasileira de Custos
Av. Unisinos, 950 - Caixa Postal 275 - CEP: 93022-000 - São Leopoldo - RS - Brasil
Diretoria de Administração de Infraestrutura e Serviços - Telefone: 51 3591 1122 Ramal: 5235