Departamentalização dos custos na atividade hoteleira: apuração do custo da diária sob a ótica do custeio por absorção

Cleiton Rodrigo Buarque Silva, MATHEUS BEZERRA ALBUQUERQUE, Valdemir da Silva, Kleber Luis Alves Guedes, Carlos Everaldo Costa

Resumo


O objetivo geral deste estudo é apurar, mediante a utilização da departamentalização, os custos da diária de um hotel sob a ótica do custeio por absorção. Para alcançar o objetivo proposto, foi realizada pesquisa exploratória descritiva, por meio do método estudo de caso em um hotel localizado no litoral da cidade de Maceió. Com base nos dados físicos e financeiros, extraídos dos relatórios de controle administrativo e contábil do hotel, referentes ao período de 2018, e utilizando o esquema de alocações dos gastos via departamentalização, foram apurados os gastos dos departamentos de produção (apoio e operacionais) e administrativos. Feitas as transferências dos gastos dos departamentos de apoio aos operacionais e destes às fontes de receita, foram identificados, entre as fontes de receita, os custos totais com hospedagem, R$ 5.675.182,00, e, com base nos 75,37% da taxa média de ocupação anual, o número médio de diárias vendidas (55.845) pelo hotel durante o ano. Com isso, o resultado da pesquisa revelou o custo médio da diária do hotel no valor de R$ 101,62.

Palavras-chave


Custeio por Absorção. Departamentalização. Hotel.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2358-856X

Associação Brasileira de Custos
Av. Unisinos, 950 - Caixa Postal 275 - CEP: 93022-000 - São Leopoldo - RS - Brasil
Diretoria de Administração de Infraestrutura e Serviços - Telefone: 51 3591 1122 Ramal: 5235