Utilização do método da unidade de esforço de produção e custeio baseado em atividade na mensuração dos custos de produção aplicado em indústria farmacêutica de fitoterápicos – um caso prático

Blênio César Severo Peixe, Antonio Cezar Bornia, Arnaldo Martins

Resumo


A Indústria farmacêutica em geral possui como característica a competitividade e inovação tecnológica, caracteriza-se também pelo empenho que o setor tem na busca das melhores práticas na utilização das ferramentas para gerenciar as informações. Normalmente, tal empenho não tem sido correspondido quando da utilização por parte das empresas dos chamados métodos tradicionais de custeio, motivo pelo qual a busca por métodos de múltiplos critérios ou com maior tecnologia e confiabilidade na apropriação tem sido cada vez mais constante nas diversas empresas. Os métodos ABC (Custeio Baseado em Atividade) e UEP (Unidade de Esforço da Produção), quando aplicados conjuntamente, passam a fazer parte desses sistemas considerados inovadores, quer por suas concepções tecnológicas ou pelos critérios de mensuração e apropriação, até mesmo pela sua complementação mútua. foi abordado o tema por meio de um estudo empírico do tipo exploratório, ou seja, foi utilizada como método de pesquisa a observação experimental, demonstrando as hipóteses, identificando determinantes e desenvolvendo informações quantitativas. O artigo evidencia por meio de um estudo de caso prático a aplicado em uma Indústria Farmacêutica de Fitoterápicos, utilizando os métodos de custeio ABC e UEP, em conjunto que possibilitam o aprofundamento teórico e a busca de modelos e ferramentas de gestão mais inovadoras, propiciando o aprimoramento de métodos tradicionais de custos com a combinação para geração de novas discussões para fortalecer maior confiabilidade nos resultados.

Palavras-chave


Indústria Farmacêutica

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN 2358-856X

Associação Brasileira de Custos
Av. Unisinos, 950 - Caixa Postal 275 - CEP: 93022-000 - São Leopoldo - RS - Brasil
Diretoria de Administração de Infraestrutura e Serviços - Telefone: 51 3591 1122 Ramal: 5235